Blog do Rio Vermelho, a voz do bairro

quarta-feira, 29 de junho de 2016

Programação do 2 de Julho 2016

As comemorações do 193º aniversário da Independência do Brasil na Bahia, no dia 2 de julho, têm variada agenda cultural em Salvador. Além de preservar a história da maior data cívica do estado, quase bicentenária, possui programação repleta de atrações para agradar adultos e crianças. A festa, que esse ano tem como tema "Caboclos - símbolo da liberdade", começa no primeiro dia de julho e só terminará no domingo (3), com a realização do tradicional Baile da Independência, sob o comando dos maestros Fred Dantas e Paulo Primo com suas respectivas orquestras.

Programação do 2 de Julho 2016

Programação

Na sexta-feira (1º), a partir das 9h, será realizado o “Te Deum”, na Igreja de São Pedro dos Clérigos, localizada no Terreiro de Jesus, que este ano homenageará o professor e historiador Luís Henrique Dias Tavares, autor, entre outros livros, de “A Independência do Brasil na Bahia”, principal publicação sobre os acontecimentos que culminaram na vitória das forças brasileiras sobre o exército português. No mesmo dia, às 11h, a Câmara Municipal homenageia os heróis da Independência no Salão Nobre. No período da tarde, às 16h, está prevista a chegada do fogo simbólico no Largo de Pirajá, com acendimento da pira e hasteamento das bandeiras.

No sábado (02), às 6h, o dia começa com a queima de fogos no Largo da Lapinha. Às 8h, será iniciada a organização do cortejo cívico, antecedendo o hasteamento da bandeira do Brasil (pelo governador Rui Costa), da Bahia (pelo presidente da Assembleia Legislativa, Marcelo Nilo), de Salvador (pelo prefeito ACM Neto) e do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB-BA) (por Eduardo Moraes de Castro, presidente da entidade). Logo depois, serão colocadas flores no túmulo do General Labatut pelas autoridades, seguida pela entrega dos carros emblemáticos do Caboclo e da Cabocla pelo IGHB-BA ao prefeito ACM Neto, finalizando com a execução do Hino ao 2 de Julho pela Marinha do Brasil.

Cortejo – O cortejo cívico está com saída programada para 9h30, com homenagem aos heróis da Independência e breves paradas ao longo do cortejo para homenagens. Às 11h30, os carros do Caboclo e da Cabocla serão recolhidos à Praça Thomé de Souza, onde ficarão até as 15h, quando tem início a segunda parte do cortejo, com previsão de chegada às 17h no Campo Grande. Antes, às 14h30, será realizada a cerimônia cívica do 2º Distrito Naval.

No Campo Grande, as bandeiras oficiais do Brasil, da Bahia e de Salvador serão hasteadas respectivamente pelo governador da Bahia, Rui Costa, pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo, e pelo prefeito ACM Neto. O hasteamento será acompanhado da execução do Hino Nacional pelas bandas de música da Marinha, Exército, Aeronáutica e Polícia Militar. Após o hasteamento das bandeiras e execução do hino, as autoridades colocarão coroas de flores no Monumento ao 2 de Julho, em companhia do presidente da Câmara de Vereadores de Salvador, Paulo Câmara, e de comandantes militares.

A cerimônia será finalizada com a execução do Hino ao 2 de Julho pela Banda de Música da Polícia Militar da Bahia, do acendimento da Pira do Fogo Simbólico pelo professor Hélio Carneiro de Campos e a execução do Hino Nacional pelas bandas de música da Marinha, Exército, Aeronáutica e Polícia Militar.

Programação cultural 

Sábado (02), após o desfile, será realizado o tradicional Encontro de Filarmônicas, em sua 25ª edição, com o Maestro Fred Dantas. Domingo (03), das 16h às 18h, a criançada tem programação especial com o Grupo ViaPalco e o espetáculo “Um Dia de Palhaçada”. A partir das 18h, começa o Baile da Independência – com a Orquestra do Maestro Fred Dantas e participação da Orquestra Paulo Primo, até as 21h30. Só na terça-feira (05), às 17h, acontece a volta dos Carros Emblemáticos, com a Orquestra do Maestro Reginaldo de Xangô, Fanfarras e Grupos Culturais.

terça-feira, 28 de junho de 2016

Prefeitura quer liberar prédios de até 12 andares na borda da faixa de praia do Farol da Barra até Praia de Ipitanga. Será que os vereadores vão aprovar?

A Lei de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (Louos), cujo projeto de lei foi entregue pela Prefeitura à Câmara no último dia 21, estabelece um conjunto de regras e critérios para o ordenamento do território municipal. Dentre eles está a definição do gabarito de altura máxima das edificações em toda a Área de Borda Marítima. A Borda Atlântica vai desde a Praia do Farol da Barra até a Praia de Ipitanga.

Prefeitura quer liberar prédios de até 12 andares na borda da faixa de praia do Farol da Barra até Praia de Ipitanga. Será que os vereadores vão aprovar?

Em todo esse trecho, o Projeto de Lei da Louos, além de definir a altura máxima das edificações, exige a elaboração de estudo solar, a ser entregue para análise da Prefeitura junto com o projeto do empreendimento, demonstrando a incidência da sombra da futura edificação, evitando-se assim o sombreamento da praia. Dessa forma, mesmo que o estudo solar aponte que uma edificação mais alta não ocasionaria sombra à praia, o limite máximo de gabarito prevalece.

De acordo com a prefeitura um ponto importante a ser destacado é que a altura definida não se aplica exclusivamente à construção, pois é medida a partir do nível da praia. Ou seja, o relevo do terreno é computado como parte dessa altura. Por exemplo, um empreendimento cujo terreno é plano, no nível da praia, terá mais andares que a edificação em um terreno que esteja na mesma área, mas a cinco metros do nível da praia.

Prefeitura quer liberar prédios de até 12 andares na borda da faixa de praia do Farol da Barra até Praia de Ipitanga. Será que os vereadores vão aprovar?

Altura das edificações - Uma inovação que o PL da Louos traz é o escalonamento do gabarito de alturas máximas em faixas. Quanto mais próxima da praia, mais baixa será a edificação. Essa proposta resulta em uma composição mais harmônica da orla, bem como influencia na ventilação e na paisagem urbana.

As alturas máximas ficam assim definidas (confira desenhos nos quadros anexos):

  • Da borda da faixa de praia (início das áreas urbanizáveis) até 60 metros – a altura máxima será de 36 metros, o que corresponde a 12 andares. 
  • Do limite dos 60 metros a 90 metros da borda da praia – a altura máxima será de 45 metros, o que corresponde a 15 andares.
  • Do limite dos 90 metros até 120 metros da borda da praia – a altura máxima será de 60 metros, 20 andares.
  • Dos 120 metros até o final da delimitação da área de borda marítima – a altura é de 75 metros, 25 andares.
  • Dentro da área de Borda definida no PDDU as alturas máximas das edificações não poderão ultrapassar 75 metros ou 25 andares.​ 
(Com informação da Agecom)

Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas

Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas

Atenção moradores do Morro das Vivendas! Depois da postagem publicada no Blog, com as reclamações de vocês, a Subprefeitura Barra/Pituba, adotou as providências necessárias para solucionar os problemas citados. A Limpurb está na área executando os serviços de roçagem e limpeza da praça, recolhimento de entulho e gancheamento. A Semam também está presente realizando operação tapa buraco no entorno das ruas Rodrigo Argolo e Francisco Rosa.

Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas
Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas
Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas
Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas
Ação da Prefeitura no Morro das Vivendas

Rio Vermelho recebe Mostra Animal com exibição de filmes e feira vegana

O respeito aos animais entra em cena durante a Mostra Internacional de Cinema pelos Animais – 2ª Edição Itinerante Salvador, que acontecerá nos dias 2 e 3 de julho (sábado e domingo), no Teatro Sesi Rio Vermelho, a partir das 14h. A Mostra Animal reúne 18 filmes, curtas e longas metragens, entre documentários, filmes de ficção e animações do Brasil e outros nove países que têm como tema central a proteção e o respeito aos animais. Gratuita e aberta ao público, a Mostra traz como novidade a Feira Vegana, com diversos produtos livres de ingredientes ou testes em animais.


Entre os filmes, o premiado longa americano ‘Cowspiracy: O Segredo da Sustentabilidade’ (2014), que investiga as principais organizações ambientais do mundo – entre elas o Greenpeace e a Rainforest Action Network. Além de produções do Reino Unido, Israel, Alemanha, Hungria, o Brasil também ganha espaço com a animação infantil ‘O Mundo Animal de Bibi’ (2015), com episódios educativos sobre temas sociais, ambientais e animais; além dos curtas ‘Por Eles’ (2015) e ‘Apesar de Você’ (2015), que relembra o acidente que vitimou porcos na rodovia Rodoanel, em São Paulo, no ano passado.

A Mostra Internacional de Cinema pelos Animais – 2ª Edição Itinerante Salvador é patrocinada pelo restaurante Ciranda Café, Cultura e Arte, lanchonete B-Vegan e restaurante Mariposa. O evento conta com parceria do Teatro Sesi Rio Vermelho e apoios da Agência Jambo e Bar Deixa de Charme.

Bate-Papo e Feira Vegana

Em 2016, a Mostra Animal estreia a Feira Vegana, uma feira ética de produtos livres de origem animal. Na edição Salvador, a feira acontece na varanda do Teatro Sesi, sábado das 16h às 20h e domingo das 16h às 22h. O espaço conta com nove expositores, sendo oito empresas locais, entre elas: Ciranda Café e Arte; B-Vegan, com salgados de forno, sobremesas e mini sanduíches; a SVB, com livros e DVDs; Nana Veg, com coxinha de shitake, bolo e pastel de legumes; Ateliê das Mandalas, com mandalas artesanais e camisetas; Meu Veg, com burguers veganos; Rango Vegan, com salgados e tortinha de chocolate; a Quitanda Vegetariana, com leites, queijos e manteiga vegetais, falafel, hommus e cheesecake vegano; Bem me Vi, com alfajor, carteiras, ecobags, coletor menstrual, camisetas e pó dental.

Além da exibição dos filmes e da Feira Vegana, a programação conta ainda com bate-papos entre público, representantes locais da causa animal e da organização nacional do evento. Serão debatidos temas como: alimentação vegana e vitaminas, com a nutricionista Laís Martins e o fisiculturista vegano Paulo Victor Guimarães; saúde da mulher, meio ambiente e libertação animal, com a feminista ecológica Viviana Mata; educação consciente para a não violência e empatia, com o educador humanitário Francisco Athayde; motivações éticas do veganismo, com o advogado Samory Pereira Santos e o filósofo e jornalista Márcio Lupi. O bate-papo terá ainda abertura de Paula Gaio, uma das coordenadoras da Mostra em Curitiba que contará sobre o evento e o movimento no sul do Brasil. Haverá também sorteio de brindes entre o público participante.

Originalmente criada pela Sociedade Vegetariana Brasileira de Curitiba, em 2009, a Mostra Animal realizou em 2016 a sua 6ª edição na capital paranaense. O evento expandiu-se para outras cidades brasileiras por meio de versões itinerantes já realizadas no Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Brasília, Florianópolis, Niterói, Vitória, Recife, entre outras. Em Salvador, a primeira edição aconteceu em maio de 2014.

A programação completa com horários dos filmes, bate-papos e feira vegana está disponível em: www.mostraanimal.com.br.

Serviço:
Mostra Internacional de Cinema pelos Animais – 2ª Edição Itinerante Salvador
Data: 2 e 3 de julho (sábado e domingo)
Local: Teatro Sesi Rio Vermelho (R. Borges dos Réis, 9)
Horário: Mostra: 14h às 20h30 (sábado) e 14h às 21h30 (domingo) | Feira: 16h às 20h (sábado) e 16h às 22h (domingo)
Informações: 99179-8226
ENTRADA GRATUITA*

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Subprefeitura encaminha demandas dos moradores do Morro das Vivendas para os órgãos responsáveis

Em relação a nota postada neste Blog sobre o Morro das Vivendas, o subprefeito Raimundo Castro encaminhou o seguinte esclarecemos:

"Encaminhamos aos órgãos responsáveis Seman,Transalvador e Limpurb as reclamações elencadas pelo reclamante, Sr Valdomiro ,para que adotem com rapidez as ações necessárias e viáveis no local!!

A Transalvador estará realizando rondas para captura dos animais!

Assim que outras ações estiverem em curso atualizaremos ao Blog."

Subprefeitura encaminha demandas dos moradores do Morro das Vivendas para os órgãos responsáveis

Programação do Réveillon de Salvador terá cinco dias de festa, 25 atrações com 24 horas de música e 300 artistas envolvidos

Cinco dias de festa gratuita, com 24 horas de música, 25 atrações e mais de 300 artistas envolvidos na maior programação gratuita de virada de ano do país, a ser realizada no agora Circuito Daniela Mercury, na Praça Cairu, no Comércio. Os detalhes do Réveillon Salvador 2017 foram divulgadas em coletiva realizada nesta segunda-feira (27), no Palácio Thomé de Souza, pelo prefeito ACM Neto e pelo presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, com a presença também da vice-prefeita Célia Sacramento, do secretário municipal de Cultura e Turismo (Secult), Érico Mendonça, demais gestores municipais, autoridades e representantes do trade turístico.

Programação do Réveillon de Salvador terá cinco dias de festa, 25 atrações com 24 horas de música e 300 artistas envolvidos
Foto divulgação
A festa acontecerá entre os dias 28 de dezembro e 1º de janeiro e conta com uma grade que agrada a todos os gostos e reúne ritmos como o axé, reggae, pop rock, sertanejo, forró e eletrônico. Dentre as 20 atrações confirmadas estão nomes locais e nacionais como os estreantes na festa Simone e Simaria, Marcos e Belutti e Natiruts, além dos veteranos Ivete Sangalo, BaianaSystem, Claudia Leitte, Anitta, Wesley Safadão, Jorge e Mateus e O Rappa. Isso sem falar na cantora Daniela Mercury, que fará o tradicional Pôr do Som no último dia da programação. Mais cinco atrações estão sendo fechadas e deverão ser divulgadas ao longo do segundo semestre, assim como os patrocinadores oficiais, que deverão custear totalmente os shows, a definição de dias e horários de cada apresentação e esquema especial de serviços.

O prefeito ACM Neto ressaltou a importância da divulgação com antecedência do Réveillon Salvador 2017, o segundo maior produto turístico da cidade. “Foi um acordo estabelecido com o trade turístico e um recorde, já que no ano passado a grade foi anunciada em setembro. Com isso, os atores econômicos já poderão vender a cidade a partir de agora, e que o evento seja comentado em todo o país desde então. O lançamento agora também tem como intuito aproveitar a realização dos jogos olímpicos no país, que reúne um volume muito grande de visitantes, para que consigamos atrair ainda mais turistas nacionais e internacionais à cidade”, afirmou.

Artistas confirmados – Estão confirmados para a festa Anitta, Aviões do Forró, BaianaSystem, Bell Marques, Cláudia Leitte, Daniela Mercury, Duas Medidas, É o Tchan, Ivete Sangalo, Jorge e Mateus, Luan Santana, Marcos e Belutti, Natiruts, O Rappa, Oito7Nove4, Psirico, Saulo, Simone e Simaria, Thierry e Wesley Safadão. (Com informações da Agecom)

Placas no Rio Vermelho indicam caminhos errados

Placas no Rio Vermelho indicam caminhos errados
Essa placa indica o Centro Histórico em direção a Amaralina 

Placas no Rio Vermelho indicam caminhos errados
Essa outra placa indica a Arena Fonte Nova e Hospital Ernesto Simões também sentido Amaralina
Leia mais: Saem as placas de João entram as de ACM. É assim que o dinheiro público vai para o ralo

Correção

Ao contrário do que divulgamos o restaurante roubado no Rio Vermelho no São João(24) não foi o Mexicano e sim o antigo Caranguejo Rei, segundo e-mails que  recebemos  criticando o fato do Blog não ter checado a informação antes de divulgar. Reconhecemos nosso erro e pedimos desculpas. Realmente confiamos na informação do morador da área, como estamos confiando nesses e-mails que estão nos criticando, afinal, o volume maior de informações publicadas no Blog vem dos moradores e sempre pautadas na verdade.   

domingo, 26 de junho de 2016

Moradores do Morro das Vivendas dividem o espaço com lixo e cavalos

Por Waldomiro J. Silva Filho

Prezados amigos:

Temos muitos motivos para exaltar as belezas do mais charmoso bairro de Salvador. Esse foi o lugar que eu escolhi para viver e criar meu filho exatamente por causa dos seus encantos, suas ruas, suas praças, sua boemia.

O Rio Vermelho é lindo e maravilhoso... Mas não para todos.

 Moradores do Morro das Vivendas dividem o espaço com lixo e  cavalos

Eu moro no Morro das Vivendas e já me manifestei aqui inúmeras vezes sobre no que minha rua se transformou nos últimos anos.

Eu não vejo razão nenhuma para comemorar as realizações da Prefeitura e da AMARV, pois eu pago um IPTU onde se destaca área nobre e vivo no meio do LIXO e CAVALOS que se alimentam da grama que nasce nas calçadas. 

 Moradores do Morro das Vivendas dividem o espaço com lixo e  cavalos

Aqui estão anexadas três fotografia tiradas hoje, dia 26 de junho de 2016. Há exatamente dois anos eu postei fotografias exatamente iguais. São dois anos da mais absoluta falta de respeito com cidadão corretos, honestos e que pagam seus inúmeros impostos.

Eu não tenho coragem de convidar um amigo para me visitar, pois eu TENHO VERGONHA do Morro das Vivendas.

 Moradores do Morro das Vivendas dividem o espaço com lixo e  cavalos

Leia tudo que já foi publicado sobre o Morro das Vivendas.

Isso só pode ser mesmo vandalismo

Isso só pode ser mesmo vandalismo
Isso só pode ser mesmo vandalismo
Só mesmo um ato de vandalismo para destruir o piso dessa maneira.

Leia mais:

Protesto burro que só serve mesmo para sujar o bairro

Os pichadores atacam

Sem manutenção Rio Vermelho já apresenta sinais de abandono

Vento ou vandalismo?

O perigo mora ao lado!

Uma notícia boa e outra ruim

Prefeitura precisa atualizar as informações do Salvador Atende

Prefeitura-Bairro será entregue à comunidade na terça-feira(31)