Header Ads


Denuncie maus tratos contra crianças, disque 100

“Subi precioso incenso, até o trono do Altíssimo, incensai, glorioso Antônio, com perfume suavíssimo"

Foi com o salão principal da antiga Igrejinha de Santana, onde funciona o Centro Social Amilcar Marques, completamente lotado, que o padre Ângelo presidiu o quinto dia da Trezana de Santo Antônio, nesta manhã de domingo no Rio Vermelho, onde muitos moradores se reuniram para louvar o santo mais popular de requisitado pelos católicos, a quem  recorrem para implorar por um matrimônio ou até para encontrar objetos  perdido. Houve benção e distribuição de pãozinho.

O padre Ângelo fez uma pregação bastante descontraída, falou sobre a vida e a obra Santo Antônio, disse que ele tão poderoso que consegue até arranjar casamento para pessoas com mais de 70 anos de idade, o que deixou muito dos presentes bastante animados.Toda a Trezena foi cantada, com a participação de Wilson e Maria do Socorro (teclado).

Após a celebração Dona Arilda, que preside o Centro Social explicou que a Trezena de Santo Antônio começou a ser rezada há cinco anos e a cada ano se reza apenas um dia, portanto,a conclusão da trezena somente se dará em 2018.

Ela também fez uma explanação do trabalho desenvolvido no Centro onde além do atendimento social a idosos que recebem todo mês uma cesta básica, são ministrados cursos de artesanato,culinária, pintura, teatro, capoeira, entre outros, com a participação de professores voluntários.

Flores coloridas de papel de seda para decoração das festas juninas, feita pelos alunos e usadas para decorar o solão e o altar de Santo Antônio foram colocadas à venda , com as contribuições destinadas ao centro. Todas as flores foram disputadas e vendidas rapidamente, uma demonstração da qualidade do trabalho realizado. No final houve confraternização e distribuição de lanche.

.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.